• Ronaldo Faria Lima

Home office: escolhendo o mobiliário


Seguindo a série "Home Office", hoje abordarei o mobiliário. Hoje em dia as pessoas optam pelo uso de notebooks por serem máquinas que oferecem mobilidade. Afinal, você pode levar o seu notebook para onde quiser e trabalhar de qualquer lugar. Mas, uma vez em casa, a mobilidade deixa de ser uma vantagem e aqui vão algumas dicas para que você adeque seu mobiliário de forma simples e com pouco investimento.


Mesa e Cadeira


O importante da sua mesa é que ela não seja muito baixa. Mesas muito baixas vão forçar você a ficar com as pernas em uma posição desconfortável e provavelmente forçarão, também, o seu pescoço a ficar em uma posição desconfortável. A posição das pernas é importante para promover a boa circulação de sangue. Se você pressiona demais as pernas, espere por inchaços depois de algumas semanas. Com relação ao pescoço, espere por dores na musculatura.


Com relação à cadeira, escolha uma que tenha apoios para os braços. Os apoios são importantes para não forçarem seus ombros e minimizam problemas como a LER - Lesão por Esforço Repetitivo. Se você não dispõe de uma cadeira com apoios para os braços, você pode comprar uma on-line sem precisar doar um rim. Existem diversas opções de cadeiras com encosto em mesh que são bastante acessíveis. O maior trabalho é montar a cadeira quando ela chegar. A minha comprei numa loja on-line e consegui montá-la em meia-hora, sem a necessidade de ferramentas, pois as chaves necessárias acompanhavam o kit.


Claro, existem cadeias dessas que custam alguns milhares de reais. Porém, para o dia-a-dia, uma cadeira que custa uma fração deste valor é suficiente para uma boa ergonomia no seu home office. Uma boa cadeira terá ajuste de altura, mesmo que o encosto seja fixo, e com apoio para os braços. Isso já evita muitas dores lombares, no pescoço e uma possível LER.


Docking Station para o seu Notebook


Como todo computador, seu notebook precisa de arrefecimento. Por ser um equipamento móvel, normalmente as tomadas de ar ficam na parte inferior ou no painel traseiro, muitas vezes na dobradiça do painel LCD. O sobreaquecimento pode causar dores-de-cabeça infinitas, desde travamentos esporádicos até a queima e obliteração completa do seu equipamento. Usar o notebook em cima de uma mesa não é uma boa ideia por conta disso. O ideal é você construir uma docking station.


Você não precisa gastar muito dinheiro para construir uma docking station. Para que você tenha uma ideia de como é uma, aqui está a minha.

Minha docking station

A primeira peça é o suporte para o seu notebook. O suporte que eu uso custou algo em torno de uns R$ 36,00 quando comprei. Como o notebook fica suspenso, o uso de um teclado e mouse externos torna-se indispensável.


No entanto, descolar um kit mouse + teclado é muito mais barato do que você imagina. Eu uso um kit Logitech sem fio, que me custou algo em torno de R$ 120,00. Mas se o seu orçamento está apertado, você pode descolar um kit mouse+teclado com fio por menos de R$ 100,00.


Caso tenha dúvidas sobre quais marcas escolher, recomendo fortemente Logitech e Microsoft. Sim! A Microsoft faz hardware! Os teclados e mouses da Microsoft são admiravelmente duráveis. Tenho um mouse Microsoft Basic Mouse que era branco e hoje está amarelo - deve ter mais de 15 anos de vida e ainda funciona.


Se você tem um monitor externo, melhor ainda! Mas é importante colocá-lo por sobre um suporte para melhorar a ergonomia. Um suporte para monitor também é muito barato - me recordo de gastar algo em torno de uns R$ 20,00 e poucos reais por um suporte plástico. Claro, há suportes bem mais caros, alguns lindos feitos de aço e vidro temperado.


Se você pretende comprar um monitor externo, minha sugestão fica para os novos monitores Ultra Widescreen por conta do espaço horizontal e da fantástica resolução, com destaque para os monitores da LG. Porém, aí o investimento é mais salgado, ficando na faixa de R$ 800,00. O tamanho do monitor, na verdade, depende do que você pretende fazer com o seu computador. Para edição de textos e tarefas corriqueiras, o painel de LCD do seu notebook já é suficiente. Mas se você precisa trabalhar com design, visualizar muita coisa ao mesmo tempo, um monitor ultrawidescreen pode ser a resposta.


E como última dica, fica o mouse pad: não compre. É caro, desbota rápido e com o tempo fica aquele cacareco feioso em cima da sua mesa. Existe uma alternativa melhor e muito mais barata e que protege a sua mesa não só da fricção do mouse como, também, do seu teclado e pulsos: placa de EVA. Você compra placas de EVA por uma fração do preço de um mouse pad. Normalmente são vendidas em pacotes com 5 ou 10 placas por R$ 20,00 ou menos. E duram até um pouco mais que os mouse pads, com a diferença que são maiores e permitem que você cubra uma área maior da sua mesa, protegendo-a contra riscos que podem ser causados pela movimentação do seu teclado, mouse ou, até mesmo, pelo uso de uma caneta numa folha de papel.


Bem, para um artigo curto até que foi bastante coisa! Até o próximo!


0 visualização

A EMPRESA

REDES SOCIAIS

  • Facebook Grood.me
  • Instagram Grood.me
  • YouTube Grood.me
  • LinkedIn Grood.me

Validados pelo programa

NOSSOS CONTATOS

GroodMe-Logo_Programa_Startup_SP_Sebrae_

Plataforma homologada pelo

CHICLETEMKT TECNOLOGIA E MARKETING LTDA   CNPJ: 21.922.069/0001-42   RIBEIRÃO PRETO - SP

O PRAZO MÉDIO DE ENTREGA VARIA DE 5 A 15 DIAS ÚTEIS PARA OS SERVIÇOS ADQUIRIDOS NA LOJA

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • LinkedIn
  • Pinterest
  • RSS ícone social